Notícias

Atualizado em 20/03/2019 às 19h41

Helder Barbalho e Nélio Aguiar assinam convênio para retomada das obras do Hospital Materno Infantil

Assinatura do convênio de R$ 25 milhões que garante retomada das obras do Materno Infantil.Dentro da agenda do programa Governo Por Todo o Pará, o governador Helder Barbalho, o prefeito de Santarém Nélio Aguiar e o gestor do governo da Caixa Econômica Federal (CEF) do Oeste do Pará Laurenilson Magalhães, assinaram o convênio no valor de R$ 25 milhões para retomar as obras do Hospital Materno Infantil (HMI) na cidade. A assinatura ocorreu no auditório da Universidade Federal do Tapajós (Ufopa) Campus Tapajós. Participaram da solenidade a primeira-dama do Estado Daniela Barbalho; o vice-governador Lúcio Vale e a esposa Andréa Vale; deputados estaduais; gestores de órgãos e secretários de Estado; secretários e servidores do município de Santarém e representantes de cidades vizinhas, além da população.

Prefeito Nélio Aguiar deu boas vindas ao governador Helder."Isso representa muito para cidade e região. São 25 milhões do Governo do Estado, além de recursos federais e municipais. O projeto inicial não contemplava aquisição de equipamentos e outras estruturas para funcionar adequadamente o hospital e a Prefeitura não tinha condições de aportar. Levamos para o governador e ele foi muito sensível. Com isso, a Prefeitura vai fazer uma nova licitação, para então retomar as obras e entregar o hospital funcionando. O hospital Materno Infantil vai ser referência em toda região", relatou Nélio Aguiar.

O gestor municipal explicou ainda que após a assinatura, a equipe técnica da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminfra) vai abrir o processo licitatório para a escolha da empresa executora da obra. Após um período de 45 a 60 dias é concluída a licitação, para a Prefeitura emitir a ordem de serviço e retomarem as obras.

Helder Barbalho: vamos governar para todos.O governador do Estado Helder Barbalho, destacou o compromisso em governar para toda a população paraense. "Temos o compromisso de ser um governo mais presente em todas as regiões do Pará. Já é a segunda vez este ano que minha equipe de governo está aqui na cidade. Agora estou em Santarém, para assinar o convênio que vai possibilitar a retomada das obras do HMI. O hospital vai atender toda a região e vai salvar milhares de vidas", frisou.

A secretária municipal de Saúde Dayane Lima ressaltou a importância dessa obra para Santarém e toda a região do Baixo Amazonas e Tapajós. “O prefeito Nélio Aguiar estava lutando para retomar essa obra, chegou até a recorrer ao Ministério da Saúde, mas quando fez essa solicitação ao governador Helder Barbalho, ele imediatamente se comprometeu, pois sabe que Santarém é um polo importante, que atende cerca de 20 municípios, entre os quais Juruti, Alenquer, Óbidos, Oriximiná, Curuá, entre outros. Para se ter ideia, aqui, por mês, nascem cerca de 500 bebês de todos esses municípios”, informou a secretária.

Sobre o Hospital Materno Infantil
Em 2012, a Prefeitura de Santarém firmou contrato com a empresa Construtora Centro Minas Ltda (CCM), através do contrato nº 057/2012 –SEMINFRA, com prazo inicial de conclusão de 12 meses, o qual foi prorrogado conforme 2º Termo de Aditivo de prazo até dezembro de 2015.

Não tendo a obra sido concluída neste prazo, resultou na expiração do contrato conforme Termo de Encerramento de Contrato.

Do percentual de obra executado, conforme medições apresentadas, realizou-se 38,59% - correspondendo a R$8.888.487,68.

Relação de unidades funcionais e respectivos serviços:

01 – Atendimento Urgência e Emergência:
- Emergência Pediatria e Emergência Obstetrícia.

02 – Internação (Enfermarias no 3º e 4º pavimentos):
- Clinica Obstétrica: (30 Leitos e 2 Isolamentos) – Ao lado de cada Leito tem um Berço.
- Clínica Pediátrica: (50 Leitos e 2 Isolamentos)

03 – Internação Intensiva – UTI / UCI:
- UTI Adulto: (09 Leitos) – 01 Isolamento
- UTI Infantil: (5 Leitos) – 01 Isolamento
- UTI Neonatal: (6 Berços) – 01 Isolamento
- UCI: (7 Berços)
- Mãe Canguru: (6 Leitos/Berços)

04 – Ambulatório:
- Ambulatório Pediatria.
- Ambulatório Prematuros.
- Ambulatório Gestantes de Alto Risco.

05 – Apoio Diagnóstico:
- Laboratório de Análises Clínicas.
- Banco de Leite
- Raios-X
- EEG/ECG
- Ultrassom: 3 unidades

06 – Centro Cirúrgico e Obstétrico
- Centro Cirúrgico: (3 salas de cirurgia geral e 1 sala de parto cirúrgico).
- Agência Transfusional

07 - Centro de Parto Normal 8 PPPs.

08 - Consultórios: 7 Consultórios gerais, 1 Consultório Ginecológico, 1 Odontológico e um para Assistência Social.

09 - Observação Obstétrica: 5 Leitos

10 - Observação Pediátrica: 4 leitos e 1 isolamento.

11 - Laboratório de Análises Clinicas: 6 laboratórios.

12 - Banco de Leite.

13 - Coleta: 2 salas

14 - Preparo Doadora

15 - Processamento e Distribuição

16 - Recepção / Coleta Externa.

17 - Indução Anestésica: 4 leitos

18 - RPA: 4 leitos.

19 - CFL: 1 sala

20 - RN: 1 sala

21 - Posto: 9

22 - Plantão: 15 salas

23 - Conforto: 6 salas.

24 - Laudos: 1 sala.

25 - Triagem: 1 Unidade

Preparação de Triagem: 1 Unidade

27 - Inalação: 1 sala

28 - Apoio Técnico

29 - Serviço de Nutrição Dietética

30 - Centro de Esterilização

31 - Apoio Administrativo Administração

32 - Apoio Logístico

33 - Lavanderia / Cozinha.

Total disponível Hospital Materno Infantil de Santarém: 110 Leitos

49 Berços




Colaborou Alailson Muniz

Acompanhe as ações da Prefeitura de Santarém nas redes sociais:
Facebook: https://pt-br.facebook.com/prefeituradesantarem/
Instagram: @prefeituradesantarem
Youtube: Canal da Prefeitura de Santarém

Ailanda Tavares Agência Santarém

Prefeitura de Santarém - Coordenadoria de Comunicação