Notícias

Atualizado em 09/01/2019 às 19h29

Hospital Municipal passa a se chamar Dr. Alberto Tolentino Sotelo


Família acompanhou de perto a sanção da Lei Municipal.O prefeito de Santarém Nélio Aguiar sancionou no final da tarde desta quarta-feira, 9, a Lei Municipal N°. 20.549, que denomina de 'DR. Alberto Tolentino Sotelo' o Hospital Municipal de Santarém. O projeto de Lei teve como autor o vereador Alaércio Cardoso.

Antes da assinatura, o prefeito Nélio Aguiar disse que a homenagem é justa pelo trabalho que o médico realizou ao longo dos 40 anos que fixou residência em Santarém, além de não medir obstáculos e dificuldades para exercer o ofício da medicina. O gestor lembrou ainda que Dr. Alberto foi o médico de sua família e que, anos depois, teve o privilégio de trabalhar com o colega de profissão.

Prefeito Nélio Aguiar destacou legado do DR. Alberto Tolentino para saúde de Santarém."É uma justa homenagem por todo trabalho e dedicação deste grande profissional à história da saúde de Santarém. Um médico muito querido e requisitado. Lembro que ele foi meu médico. Era médico de nossa família e tinha a confiança de meu pai. Tempos depois, após me formar, tive a honra de trabalhar ao seu lado", lembrou o prefeito de Santarém.

A assinatura da Lei foi acompanhada pela família do médico, que era peruano, naturalizado brasileiro e faleceu aos 81 anos. Dr. Alberto Tolentino foi médico da Fundação Nacional de Saúde, fundou a clínica Santa Rosa de Lima, atuou em postos de saúde e no Hospital Municipal, além de postos de saúde dos bairros Fátima e Santarenzinho. Também foi diretor da Unimed e médico do São Francisco esporte Clube.

Alberto Tolentino (filho) bastante emocionado.A sanção da Lei Municipal foi marcada por muita emoção. Muito emocionado, Alberto Tolentino Filho, que também é médico e filho do homenageado, agradeceu a homenagem e lembrou que seu pai não media esforços para atender a população carente. "Nosso pai não tinha horário para atender paciente. Ele escolheu Santarém para viver e trabalhar. Amava essa cidade", disse Tolentino sob forte emoção.

"Ele era médico de todas as classes sociais. Tinha amor pelo trabalho. Deixou o legado de honra e trabalho para os filhos", emendou a filha Advogada Kátia Tolentino.

Estiveram presentes na cerimônia de assinatura da sanção da Lei Municipal, na sala de reunião do Gabinete do prefeito Nélio Aguiar, os filhos Alberto, Kátia, Marcela, Rosane, Jéssica e Ricardo Tolentino, os netos Alberto Mariano, Sarah Cunha e Camila Melo, além do genro Daniel Ribeiro.

Uma placa será fixada no Hospital Municipal com o nome do médico e uma síntese de sua história e trabalho, batizando a maior e mais antiga unidade de saúde do município.

Alailson Muniz Agência Santarém

Prefeitura de Santarém - Coordenadoria de Comunicação